Header Ads

Novo massacre! Bruno de Carvalho acusa Liliana Almeida de “gritar” e cantora reage


 

Na manhã desta quarta-feira, dia 9 de fevereiro, Bruno de Carvalho e Liliana Almeida voltaram a protagonizar um momento de tensão e que está relacionado com as divergências que também envolvem Kasha.
[O destino mostrou] que não confias minimamente em mim. Já nem digo em jogo, estou-me a cagar para o jogo. Não posso continuar a por tudo em risco. Não confias“, começou por desabafar o empresário, que voltou a acusar a namorada: “Morzinho, és tu! Claro que não tens problema nenhum, tudo o que tiver a ver comigo e com a possibilidade de nos afastar tu não tens problema nenhum…“.

Continuar a ler

A longa conversa prosseguiu e o ex-presidente do Sporting voltou “à carga”: “Fo*a-se, nunca ninguém me tratou desta forma“. Perante a pressão imposta, Liliana reagiu: “Eu também te faço isso Bruno. Ontem, fiz-te isso mil e uma vezes e tu comigo não aceitas, também não confias em mim“.
Estás-me a gritar para quê, Liliana? É a tua forma de me ajudar, é isso? Faz parte da tua essência“, atirou Bruno visivelmente enervado, enquanto Liliana falava num tom normal de voz.
Eu não te vou fazer sofrer amor“, garantiu Bruno de Carvalho que, de imediato, foi alertado: “Mas ontem fizeste-me sofrer“. Indignado, Bruno esclareceu: “Fo*a-se! No meu dia de anos, quem me fez sofrer foste tu“.
Depois desta “tirada”, Bruno de Carvalho mostrou-se inseguro e falou, inclusive, na sua ameaça de desistência no passado domingo: “Se eu tivesse ido [embora], estavas-te a cagar“. Liliana reagiu que “não estava” e voltou a ser interrompida: “Mor, não me levantes a voz outra vez“.
Com tecnologia do Blogger.